Friday Fun: Animações evidenciam o espaço ocupado pelo carro

Diferença de espaço entre carros (com lotação na capacidade máxima) e pedestres (Reprodução: PVT Group)

Diferença de espaço entre carros (com lotação na capacidade máxima) e pedestres (Reprodução: PVT Group)

São muitas as comparações que evidenciam o espaço ocupado pelo carro. Como a finalidade de veículos privados é a locomoção, eles podem ser comparados com tudo que nos auxilia nesse processo de deslocamento – pernas inclusas.

Agora, entre o carro e qualquer outro meio de transporte, adivinhe quem sai perdendo?

Animando a comparação 

video - frame

(Reprodução/PVT Group)

Como parte de um projeto que pretende amenizar os engarrafamentos e criar oportunidades para o transporte ativo, uma empresa de planejamento e engenharia de tráfego, a PVT Group, elaborou algumas animações comparativas. A primeira, abaixo, mostra 200 pessoas se movendo em diferentes modais, incluindo carro, ônibus, bondes, bicicleta e caminhada – com foco no tempo em que demoram para cruzar a linha de chegada. Quem você acha que ganha? Veja:

Os carros perdem. E com bastante diferença. Demoram mais de quatro minutos para cruzarem a linha. Os primeiros colocados são os ônibus e os bondes que “não à toa são chamados transportes de massa”, como bem realçou o texto do FastCoExist.

O segundo vídeo repete o processo, mas esse é o único deles que não leva em conta a média de passageiros que cada um desses transporta normalmente. Com os veículos ocupados em sua máxima capacidade, o número de carros de 133 para 40. No entanto, mesmo com a lotação máxima, a diferença de espaço permanece enorme.

Por fim, o PTV Group elaborou uma animação com base em quanto espaço seria necessário para que todos cruzassem a linha ao mesmo tempo. O vídeo abaixo mostra que carros precisam de oito pistas para acompanhar os bondes, por exemplo.