Friday Fun: Arte urbana em movimento

Laterais inteiras de prédios antigos, muros com pintura já gasta e viadutos mal iluminados. Não há cenário concreto para a arte urbana. Viver, respirar e entender o funcionamento de nossas cidades muda de acordo com inúmeros fatores negativos e positivos. A arte de rua que nos circunda é, sem dúvida, uma grande causadora de experiências e surpresas positivas durante a locomoção diária. Agora, quem disse que a arte não pode também sair por aí experimentando e nos acompanhando?

Suaveciclo by Vj Suave from vjsuave on Vimeo.

Ygor Marotta e Ceci Soloaga, moradores de São Paulo, criam arte a partir de desenhos transformados em animação digital, depois usam técnicas de projeção e os personagens saem correndo, voando, e se agarrando nas paredes da paisagem urbana. Arte que mistura a narrativa projetada à vida existente naquele espaço público.

Para a locomoção própria, os artistas usam os Suaveciclos, triciclos batizados assim a partir do projeto da dupla, o VJsuave. Os triciclos são adaptados com computador, projetor e bateria, que permite ao levar as projeções pra rua e transmitir as pessoas suas mensagens. Por meio do computador, os artistas manipulam em tempo real os desenhos. Enquanto pedalam através de diferentes cidades, captam elementos naturais e artificiais dos arredores para, então, montar as projeções.

Formando uma equipe desde 2009, a dupla já criou quatro curtas-metragens: Trip (2013), La cena (2012), Homeless (2011) e Run (2011). Até agora, Rússia, Luxemburgo, Eslováquia, Alemanha e Brasil já tiveram o prazer de ver a performance da dupla.