Seminário reúne especialistas para debater o financiamento de projetos DOTS nas cidades brasileiras

Seminário “Experiências Latino-Americanas no Financiamento do DOTS” discute maneiras de construir mecanismos financeiros para concretizar projetos DOTS nas cidades brasileiras (Foto: Mariana Gil/WRI Brasil Cidades Sustentáveis)

O financiamento ainda é uma das principais barreiras que dificultam ou impedem a implementação, nas cidades brasileiras, de projetos que sigam os preceitos do Desenvolvimento Orientado ao Transporte Sustentável (DOTS). Para reverter essa tendência, é preciso avançar na construção de mecanismos financeiros capazes de atrair investidores e, assim, engajar a população e promover mais inclusão social e sustentabilidade no crescimento das cidades.

No dia 29 de outubro, o WRI Brasil Cidades Sustentáveis e o World Resources Institute (WRI) realizam em São Paulo o Seminário Experiências Latino-Americanas no Financiamento do DOTS, com o objetivo de explorar caminhos para que projetos DOTS se tornem uma realidade nas cidades brasileiras. O evento conta com a parceria estratégica da Children’s Investment Fund Foundation – CIFF , Instituto Clima e Sociedade –ICS, Citi Foundation e C40, e o apoio do Citi.

O Seminário discutirá os elementos que compõem um projeto DOTS completo e apresentará exemplos de instrumentos de financiamento do DOTS já em prática da América Latina, a partir da visão de especialistas nacionais e internacionais. A agenda do Seminário inclui palestras do Banco Mundial, do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), da Financiera del Desarrollo (FINDETER-Colômbia) e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Reunindo os principais atores envolvidos com o planejamento e os investimentos em empreendimentos urbanos, o evento busca promover uma reflexão aprofundada a respeito das razões pelas quais o DOTS ainda carece de investimentos para se concretizar nas cidades brasileiras. A partir da experiência trazida pelos palestrantes, o encontro é uma oportunidade de discutir o uso do DOTS como ferramenta para a integração entre o planejamento dos sistemas de transporte e do uso do solo, de forma a aumentar a densidade urbana e a atividade econômica, melhorar os espaços públicos e a construir cidades mais sustentáveis.


INSCREVA-SE


AGENDA

14h–14h30 – Boas-vindas e abertura

14h30–16h – Painel: “Definindo projetos DOTS completos: boas práticas na América Latina”

Palestrantes:

  • Juan Manuel Robledo, Director of CIUDAT, Findeter, Colômbia
  • Luis Fernando Gonzalez Williamson, General Project Manager, “Corredor Verde”, Cali, Colômbia
  • Juan Camilo Gomez Gonzalez, Metro de Medellin, Medellin, Colômbia

16h–16h30 – INTERVALO

16h30–18h – Painel: “Reflexões sobre o financiamento do DOTS: experiências latino-americanas”

Palestrantes:

  • Felipe Targa, Banco Mundial
  • Juan Manuel Robledo, Director of CIUDAT, Findeter, Colombia
  • Renato Ely, Ely & Prado, desenvolvedor urbano, Brasília, Brasil
  • Fernando Camacho, BNDES (a confirmar)

18h–18h30 – Encerramento

Mais informações: hevers@embarqbrasil.org

Saiba mais:

DOTS 

1. Os 7 princípios do Desenvolvimento Orientado pelo Transporte Sustentável

2. Os benefícios econômicos do DOTS

3. O desenvolvimento urbano sob a ótica do Minha Casa Minha Vida

4. Os desafios e as potencialidades do planejamento urbano a partir do DOTS