Documentário destaca a resiliência para combater as mudanças climáticas

A Comissão de Adaptação da Convenção-Quadro das Nações Unidas Sobre Mudanças Climáticas (UNFCCC) fez um documentário sobre as mudanças climáticas. Ele vai direto ao ponto, começa assim: “Estamos no mundo das alterações climáticas. A ciência continuará sempre a evoluir, mas agora já sabemos o suficiente para agir, e estamos agindo. A forma como vivemos no passado não será mais viável no futuro. O clima da Terra está mudando. Somos confrontados com uma mudança em nosso ambiente sem precedentes na história da humanidade”.

A proposta do documentário “Adaptação à mudança climática” é conscientizar sobre a importância da adaptação às alterações no clima. Para isso, o vídeo faz uma breve apresentação sobre o tema e, após, mostra algumas histórias inspiradoras e entrevistas com especialistas.

Christiana Figueres, secretária executiva da UNFCCC é uma das entrevistadas. Para Figueres, os dois principais pilares da convenção das mudanças climáticas globais são a adaptação e a mitigação. “É responsabilidade desta geração, de todos nós que estamos vivos agora, mitigar o suficiente, ou seja, reduzir o suficiente as emissões de gases de efeito estufa, para permitir que a adaptação, sobretudo nas comunidades mais vulneráveis, seja realmente possível e eficaz.”, ressalta.

A resiliência é outro ponto destacado para o combate às mudanças no clima. “Resiliência significa dar a capacidade, permitir à sociedade, aos ecossistemas, de se recuperarem da mudança. Um componente essencial disso é a aprendizagem, que só é possível através da troca de informação, de sucesso e fracasso”, explica Juan Hoffmaister, integrante da Comissão de Adaptação.

Assista: