Como estão pedalando em Belo Horizonte?

(Foto: Luísa Zottis/EMBARQ Brasil)

O uso da bicicleta enquanto modo de transporte está em plena ascensão em diversas cidades do mundo e também no Brasil. Todavia, a produção de dados sobre seu uso e o comportamento de quem pedala ainda são campos que precisam ser muito explorados e analisados. Afinal, dados subsidiam o planejamento e a execução de ações a fim de promover o uso desse modal não poluente e saudável que tanto ajuda a transformar nossas cidades em espaços mais justos, democráticos e sustentáveis.

Pesquisa: descobrindo como #BHPedala

Por iniciativa do Movimento Nossa BH e da BH em Ciclo – Associação de Ciclistas Urbanos de Belo Horizonte – e com o apoio de mais de 25 instituições locais e nacionais, entre elas a BHTrans, foi elaborado o questionário da pesquisa “Descobrindo como #BHPedala”.

Essa aliança com instituições parceiras objetiva dar mais visibilidade à pesquisa e, sobretudo, capilaridade para que consigamos respostas de todas as regionais da cidade.

A pesquisa foi oficialmente lançada no dia 2 de abril com alguns objetivos:

  • Compreender como @s ciclistas vêem a política de ciclomobilidade em Belo Horizonte;

  • Obter mais informações sobre o perfil d@ ciclista e dos seus deslocamentos;

  • Avaliar o que @s ciclistas acham das estruturas oferecidas na cidade;

  • Saber as estruturas cicloviárias  que as pessoas preferem;

  • Entender as demandas gerais d@ ciclista belo-horizotino;

  • Levantar dados sobre o conhecimento das pessoas sobre o uso da bicicleta em Belo Horizonte;

 

Responda a pesquisa agora: 

www.bhpedala.ga

A iniciativa foi baseada na certeza que Belo Horizonte tem potencial para ir muito além do atual uso da bicicleta como modo de transporte e que a cidade carece de uma base de dados mais ampla para subsidiar as ações dos gestores, da sociedade civil e, sobretudo, das ações conjuntas de ambos.

 

Informações adicionais sobre a pesquisa:

  • as pessoas demorarão cerca de 9 minutos para respondê-lo;

  • a meta é ter, no minimo, 1.000 respostas;

Caso tenham interesse em divulgar e/ou participarem desse projeto enquanto mídia, durante esses  quase 40 dias enviaremos a vocês outras artes para que possam apoiar a divulgação e termos mais ampla repercussão. Somente solicitamos que, caso divulguem em meio virtual, busquem sempre utilizar a hashtag #BHPedala

 

Contatos para mais informações:

Amanda Corradi – BH em Ciclo – cristine.amanda@gmail.com – 03194261175

Guilherme Tampieri – Movimento Nossa BH –  guilhermetampieri@gmail.com – contato somente por email ou Skype: glctampieri