Entenda o que é Turismo de Base Comunitária

O turismo comunitário é sustentável e ajuda a desenvolver a economia local e as comunidades. (Foto: whltravel/Flickr)

Por redação Pensamento Verde

Se você está buscando uma alternativa diferenciada quando o assunto é sua próxima viagem, fique sabendo que o Turismo de Base Comunitária (TBC) é uma ótima opção, pois ele reúne várias atividades dentro de uma comunidade, para que a mesma receba os mais diversos tipos de visitantes. Nele, o viajante acompanhará de perto o dia a dia dos moradores, conhecendo profundamente suas atrações e patrimônios, oferecendo ainda um leque de mercadorias – artesanatos ou produtos agrícolas – para que os interessados possam conhecer de perto como funciona a rotina de vida dos moradores.

Na verdade, o Turismo de Base Comunitária contribui para a conservação e desenvolvimento de determinada região, trazendo não só benefícios econômicos, como também culturais e sociais. Os projetos buscam um modelo mais justo e igualitário de turismo que coloque a população local no centro do planejamento, da implementação e do monitoramento das atividades turísticas. Essa interação é importante para que o morador preserve seus costumes e para que o turista perceba o quanto é primordial para essa comunidade manter o seu meio ambiente local com integridade.

De acordo com alguns especialistas, o TBC é primordial para a economia. Alguns tipos de turismo particularmente apropriados são o ecoturismo, turismo étnico ou indígena, rural e cultural. Determinadas regiões do Brasil recebem maior número de interessados neste tipo de experiência, como, por exemplo, a região amazônica, que atrai pessoas do mundo inteiro que fazem questão de ter um contato mais próximo com a floresta. No entanto, não são todos os empreendimentos que beneficiam a comunidade, por isso, tenha atenção para que o projeto esteja concentrado nos interesses regionais e sociais.

Esse tipo de turismo sustentável é proposto por organizações e pelo governo, seja como uma estratégia de desenvolvimento, erradicação da miséria, difusão cultural ou combate à fome. Trata-se de um modelo que se preocupa com as condições de vida do homem, garantindo uma vida mais digna, centrado na manutenção da cultura, cooperação da comunidade, parceria entre os povos e solidariedade.

Há quem classifique tal experiência como um encontro entre pessoas e culturas diferentes, que visa resgatar costumes de maneira pura e menos mercantilista. Tudo é baseado na economia solidária, onde os projetos são criados como alternativa ao modelo tradicional de turismo, oportunizando a valorização das práticas sustentáveis e até do ecoturismo. E, para terminar, confira com cuidado o tipo de pacote que pretende contratar, já que o Turismo de Base Comunitária lhe garantirá dias únicos e totalmente especiais.