Inaugurado primeiro corredor do Expresso DF

Rejane Fernandes, diretora de relações estratégicas e desenvolvimento da EMBARQ Brasil (produtora deste blog), e a presidente Dilma Rousseff, na cerimônia de inauguração do Expresso DF. (Foto: Roberto Stuckert Filho/PR)

O Distrito Federal comemorou hoje (13/6) a inauguração do Expresso DF Sul, primeiro trecho da rede de BRT (Bus Rapid Transit) que ligará Brasília às cidades satélites de Gama e Santa Maria. A primeira fase do corredor conta com 35 km de extensão e, quando em operação completa, terá 43 quilômetros de pistas exclusivas, semáforo ou cruzamento. Ao longo do trajeto foram construídos 10 viadutos, 22 passarelas e 10 estações de embarque com acessibilidade. Os ônibus são articulados, com ar condicionado e capacidade para transportar 130 passageiros. A EMBARQ Brasil (produtora deste blog) foi parceira da cidade no projeto do BRT e esteve representada pela diretora de Relações Estratégicas & Desenvolvimento, Rejane Fernandes.

Ao lado do governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, do ministro da Cidades, Gilberto Occhi e do ministro chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante, a presidente Dilma Rousseff percorreu um trecho de 10 quilômetros que liga a Estação Granja do Ipê, uma das oito estações do corredor de ônibus, até a Estação Santa Maria, onde falou para uma plateia  de  800 pessoas. “O objetivo dessa obra é garantir transporte rápido. Para quem levava uma hora e meia, é uma vida”, disse a presidente.

Dilma também aproveitou a ocasião para agradecer ao vice-governador do Distrito Federal, Tadeu Filippelli. “Eu quero te dizer que acredito que vocês estão fazendo uma revolução no transporte urbano de Brasília. Eu tenho ido a várias cidades. Em muitas cidades nós temos BRTs de qualidade, mas o projeto aqui é um projeto extremamente ousado e mostra um fôlego que vai transformar de fato Brasília em um exemplo”, acrescentou.

 

Obras na faixa exclusiva do novo BRT (Foto: Mariana Gil / EMBARQ Brasil)

Não é só porque a via é contínua que chamei de metrô sobre rodas, mas é porque os ônibus articulados, eles parecem um comboio do metrô – Dilma Rousseff

“Basta dizer que cada morador, cada trabalhador, cada pai de família, está ganhando mais de uma hora por dia em um dos trajetos. Somando ida e volta, ele passa a ganhar duas horas por dia. Duas horas por dia a mais para ele fazer o que tem que fazer, o que ele gosta de fazer, para conviver com família. É vida devolvida a ele”, disse o vice-governador do Distrito Federal.

Durante o evento, também foi assinado um novo termo de compromisso para a expansão do transporte público no Distrito Federal.

Projeto Expresso DF

O Expresso DF será constituído por quatro corredores: Eixo Sul; Eixo Norte, Eixo Oeste e o Sudoeste, resultando em 150 km de corredores dedicados. Em operação completa, o sistema atenderá 600 mil pessoas, com viagens entre Gama, Santa Maria e o Plano Piloto. A EMBARQ Brasil é parceira de Brasília e apoiou o projeto com uma série de ações para qualificar a concepção e implantação do sistema:

– Alinhamento Estratégico

– Dia 1 de Operação do Expresso DF Sul

– Auditoria de segurança viária