Friday Fun: a invasão dos drones

Os drones são versáteis e não causam congestionamento – por enquanto (Foto: Reprodução/Gizmodo)

Estes objetos voadores vão dominar a troposfera do nosso planeta. Mas quem serão eles? Querem destruir o mundo? Abduzir as pessoas e levá-las para outro planeta? Brincadeiras à parte, se você ainda não conhece eles são os drones, pequenas aeronaves não tripuladas controladas de remotamente. Elas foram utilizadas negativamente para largar mísseis em guerra, mas têm capacidade de irrigar plantações, localizar criminosos, vigiar fronteiras, prover medicamentos e outras necessidades em áreas remotas e entregar encomendas.

Uma pizzaria na Inglaterra já pensou nisso e começou a testar o robô voador em suas entregas. Imagina pedir uma pizza e ela chegar voando? Confira como uma destas entregas foi feita em vídeo gravado pela câmera utilizada para controlar o drone.

Outra companhia que tem planos de utilizar os drones é a Amazon. Já estamos acostumados a comprar online e receber o produto via correio, certo? Pois se os Estados Unidos liberarem a circulação destes veículos no espaço aéreo, a companhia promete te entregar a encomenda 30 minutos depois da compra. É simples: você compra no site, o produto (que deve ter até 2,3 kg – 86% de tudo que eles entregam) chega voando. Literalmente. Confira o vídeo da BBC:

 

Parando pra analisar, a circulação de objetos voadores no céu parece ter saído daqueles filmes futurísticos. Do ponto de vista viário, se eles se popularizarem em grande proporção, os drones desempenharão funções que hoje cabem a pessoas. As telentregas, por exemplo, antes feitas de moto, poderão ser feitas pelo ar. Cabe a nós esperar para ver o que o futuro nos reserva.