Manual “Segurança para Pedestres” é lançado no Brasil

(Foto: Lucas Sampaio)

Embora muitas vezes negligenciados, os pedestres – ou seja, todos nós – também são parte do trânsito. Só na região Metropolitana de São Paulo, por exemplo, 12 milhões de viagens a pé são feitas diariamente. E os pedestres são os mais vulneráveis: todos os anos, 270 mil perdem a vida, correspondendo a 22% de todas as fatalidades no trânsito. Os dados são da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Pensandonas pessoas em primeiro lugar no trânsito, a OMS lançou a cartilha “Segurança para Pedestres”. Voltado a gestores públicos e técnicos da área, o documento visa garantir a segurança de quem caminha como parte dos esforços para reduzir lesões e mortes no trânsito. A cartilha traz boas práticas numa abordagem holística, que inclui elementos como engenharia de trânsito, fiscalização, legislação e medidas de conscientização.

A publicação, que foi traduzida para o português pela Organização Pan-Americana da Saúde, o escritório da OMS na América Latina, visa contribuir com a implantação de medidas de segurança para os pedestres em todo o mundo. A cartilha traz dados relevantes sobre mortes e lesões, fatores de risco ao pedestre no trânsito, formas de avaliar o ambiente viário, entre outras.

Acesse aqui o manual completo.