Espaços de convivência – a qualquer hora, em qualquer lugar

Arquiteto desenvolve conceito que permite às pessoas construir e transportar suas próprias áreas verdes (Foto: Divulgação)

A priorização de pedestres e espaços públicos, embora já tenha se mostrado uma direção certa para muitas cidades, ainda é um desafio para poder público e cidadãos. Espaços planejados para melhorar a vida da população ou simplesmente para tornar o ambiente urbano mais agradável – parques, jardins verticais, tetos verdes, florestas e hortas urbanas, parklets – fazem a diferença no dia a dia das grandes cidades e são cada vez mais versáteis e criativos.

Mais do que versáteis: transportáveis. Praticamente portáteis.

Essa é a proposta do Parcycle, espécie de parque-bicicleta desenvolvido pelo arquiteto John Bela, do Rebar Group. É bicicleta, jardim e espaço de convivência, tudo em um mesmo objeto. A ideia é permitir que as pessoas não só construam o seu próprio espaço de convivência (e para isso existe um manual), mas que também possam compartilhá-lo e carregá-lo para onde quiserem, de bicicleta.

O Parcycle Swarm, como foi batizado o conjunto modular de vários Parcycles individuais, já passou por São Francisco (EUA), Copenhague (Dinamarca) e até Baku, no Azerbaijão.

Fotos: Rebar Group/Divulgação