Festival Ecomobility: um bairro, um mês, e nenhum carro!

Setembro de 2013 será um marco na vida dos moradores da cidade de Suwon, na Coreia do Sul. É que eles viverão, até o fim do mês, hábitos de mobilidade urbana sustentável – sem carro. A transformação faz parte de um grande evento que promete revolucionar o olhar sobre a mobilidade das cidades: é o EcoMobility World Festival.

O grande objetivo é fazer com que o bairro Haenggungdong, com 4300 habitantes, vire a vitrine global da “ecomobilidade”, provando que, sim, é possível inspirar uma comunidade inteira, quiçá o mundo, a adotar a cultura da mobilidade sustentável.

E já foi dada a largada para a mudança. Se até sábado passado a cultura local era usar, como meio de transporte, o carro particular – que foi totalmente banido do bairro para o festival –, a receptividade dos moradores com a iniciativa foi surpreendente.

– Já senti uma mudança no ambiente, que está mais limpo e agradável. Agora, temos bicicletas gratuitas para aluguel e estou muito feliz com isso. E pedalar em ruas sem carros é como reaprender a andar de bicicleta.

Yong Hee Lee, 62 anos, aposentada

– Me sinto muito mais seguro agora, porque não há carros na rua. E também recebi uma bicicleta para pedalar.

Jae Hwan Han, de 33 anos, trabalhador em uma fábrica de silício

O Bycicle Bus é uma das alternativas de transporte apresentadas no festival. (Foto: Bicycle Bus © Suwon City)

Em todo o mês, a o bairro em Suwon só usará transporte livre de emissões de carbono, como na foto. (Divulgação)

Mas quem pensa que mobilidade sustentável é só andar bicicleta está enganado. Conheça as várias opções de modais de transporte de que os habitantes dispõem:

Clique para saber mais sobre cada modal.

A motivação para que o distrito de Haenggungdong se torne definitivamente um “refúgio” urbano é grande. O prefeito da cidade de Suwon, Yeom Tae Young, acredita que o modelo poderá inspirar o mundo a repetir o feito. “Este festival mostra que um estilo de vida de ‘ecomobilidade’ é possível”.

“Dois anos atrás, eu estava procurando pela cidade anfitriã do festival. Os critérios foram uma liderança visionária de cidade, moradores corajosos para experimentar o futuro, um estilo de vida mais verde e um bairro pronto para ser transformado”, conta o diretor do Festival, Konrad Otto-Zimmermann.

O TheCityFix Brasil continuará acompanhando todos os passos que os habitantes deste bairro darão em direção a uma vida mais sustentável, alegre e saudável. Acompanhe conosco!

 

* Com informações do site oficial.