Missão Russa: Preparação de Curitiba para a Copa do Mundo

Com o objetivo de buscar inspiração e aprofundar conhecimentos técnicos para seus projetos de mobilidade, uma comitiva do Governo Russo está em visita a três capitais brasileiras: São Paulo, Curitiba e Rio de Janeiro. O grupo que compõe a missão – realizada pelo Banco Mundial com apoio da EMBARQ Brasil – é formado por representantes do Ministério de Transportes da Rússia, pesquisadores e secretários municipais de transporte. Acompanhe os detalhes da visita aqui no TheCityFix Brasil!

 

Nesta quarta-feira, a delegação russa chegou à cidade de maior referência em mobilidade urbana no país: Curitiba. O grupo foi recebido, na sede do IPPUC – Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba, por Reginaldo Cordeiro, Secretário Municipal Extraordinária da Copa (SECOPA) e vice-presidente da Federação Paranaense de Futebol (FPF); Rafael Muller, assessor técnico da SECOPA; Paulo Ribeiro, presidente do Instituto Municipal de Turismo, entre outros representantes da Prefeitura envolvidos com a preparação para o megaevento esportivo, em 2014.

Ao chegar no Instituto, a delegação russa percebeu, logo, que a capital paranaense tem uma relação forte com o urbanismo. As árvores centenárias e o verde em abundância do IPPUC foram uma atração à parte para os visitantes. “Minha primeira impressão foi de surpresa que este lugar seja um instituto de pesquisa, porque para nós, na Russia, um instituto é sinônimo de prédios. Estamos positivamente surpresos com um instituto com muita área verde e casas amplas como este”, diz Vladimir Lugovenko, representante do Ministério dos Transportes da Rússia.

O verde abundante do Instituto chamou atenção da delegação. (Foto: Mariana Gil / EMBARQ Brasil)

Para a Copa do Mundo o pensamento não é diferente. A cidade-sede está investindo em revitalizações do espaço urbano, dando preferência às calçadas e espaços de convivência com o objetivo de estimular a caminhada e o uso de transportes não motorizados. Durante a apresentação realizada pelo secretário Cordeiro foram apresentados os projetos da cidade que receberam recursos do PAC: o corredor exclusivo até o aeroporto, o sistema integrado de monitoramento, e as reformas da Linha Verde e Marechal Floriano Peixoto; além da expansão do terminal de ônibus Santa Cândida. O grupo russo pode ter um panorama sobre a estrutura das secretarias e órgãos ligados ao evento esportivo e conhecer detalhes desta preparação.

A cidade tem um Plano de Mobilidade especial para o período da Copa, com estimativas de demanda e circulação no perímetro do estádio Arena da Baixada – escolhido pela FIFA para receber os jogos na capital paranaense. A grande aposta de mobilidade da prefeitura está na caminhada, com foco nos investimentos em revitalização do passeio urbano para os pedestres. “Já que 47% da rede hoteleira de Curitiba está a 2 km do estádio, a caminhada vai ser a melhor opção para boa parte dos torcedores”, explica Cordeiro.

Brasil e Rússia: Secretário Reginaldo Cordeiro e Vladimir Lugovenko, em reunião no IPPUC. (Foto: Mariana Gil / EMBARQ Brasil)

Acompanhe mais detalhes da visita da delegação russo no Brasil aqui no TheCityFix Brasil!