Infográfico: como as cidades nos moldam

“Cloud Gate”, em Chicago, nos Estados Unidos, reflete os habitantes no espaço urbano. (Foto: Marshall Segal)

As nossas cidades foram planejadas para contribuir com a obesidade e outros problemas de saúde?

O infográfico elaborado pelo designer Chris Yoon faz este questionamento e ilustra algumas descobertas realizadas pelo estudo norte-americano intitulado “Medindo os Efeitos da Saúde na Expansão Urbana: Uma Análise Nacional”. Aí vão algumas das conclusões preocupantes que foram ilustradas:

  • 71% dos pais de crianças que frequentam a escola costumavam à escolha caminhando ou de bicicleta quando eram jovens, enquanto apenas 18% o fazem agora.
  • 2 kg são a diferença de peso entre a média das pessoas que vivem no município mais extenso nos Estados Unidos contra o mais compacto (Geuga County, Ohio VS. Nova York, New York)
  • A probabilidade de ter pressão alta é 29% menor em habitantes de cidades menores
  • 65% da população adulta nos Estados Unidos está acima do peso, e aproximadamente uma em três pessoas é obesa. Nos últimos 25 anos, a parcela de crianças de 6 a 11 anos com sobrepeso dobrou, enquanto a que a parcela de adolescentes obesos triplicou.

 

Clique para ampliar

 How Our Cities Are Shaping Us: Urban Sprawl And Its Impact On Our Health infographic by chrisyoon.

Post originalmente publicado em inglês por Elise Zevitz no TheCityFix, em 07/06/2013.