Belo Horizonte e o III Congresso SIBRT

Congresso em Belo Horizonte discutiu o papel da mobilidade urbana no desenvolvimento das cidades

Belo Horizonte recebeu o III Congresso As Melhores Práticas SIBRT na América Latina, um dos mais importantes do setor de transportes. Durante dois dias de discussão, o evento reuniu representantes de governos, pesquisadores, especialistas e mais de 30 agências de transporte público de 15 países.

Essa edição do Congresso foi coorganizada pela BHTrans e pela EMBARQ Brasil, com o apoio da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte. O evento promoveu uma grande discussão a respeito dos desafios que os países da América Latina enfrentarão nos próximos 15 anos para poder oferecer aos seus cidadãos um transporte público de alta qualidade.

Um dos destaques do Congresso foi a palestra do urbanista Jaime Lerner, que inspirou participantes e colegas com sua participação. Ex-prefeito de Curitiba, ex-governador do Paraná e presidente honorário da SIBRT, Lerner é um dos mais influentes pensadores do transporte coletivo no mundo, considerado o pai do sistema BRT. Em sua opinião, quem acredita que as grandes cidades estão fadadas ao fracasso da mobilidade urbana está com uma visão equivocada, “a cidade precisa ser compreendida como um organismo que acolhe a vida e que não é só um aglomerado de concreto e vias”.

Em sua apresentação no Congresso, o arquiteto falou sobre a importância de as cidades crescerem lado a lado com a mobilidade urbana, fator decisivo para a qualidade de vida das pessoas.  Para Lerner, é importante sonhar: “a gente costuma programar a vida em função dos problemas, mas qual é o nosso sonho? O que estamos fazendo para isso? Nas cidades, precisamos propor um projeto para todos ajudarem. Se não der certo e a gente continuar se dedicando a esse sonho, um dia ele volta e é realizado”, disse, ao final de sua participação.

No segundo dia do evento, o destaque ficou por conta do painel apresentado pelos prefeitos de Belo Horizonte e Curitiba ao lado de representantes de governos do Rio de Janeiro e de Porto Alegre. A temática da discussão foi o papel do transporte no desenvolvimento das cidades. Os cinco palestrantes discutiram os desafios da mobilidade urbana nas principais capitais brasileiras e sua influência na vida das pessoas.