Bicicletas estão salvando vidas na África

A bicycle ambulance prolonga a vida de pessoas que necessitam de atendimento médico com urgência na África. (Foto: transaid images)

Por Luísa Zottis

Em áreas de difícil acesso e recursos escassos em Uganda, África, bicicletas estão salvando vidas. As bicycle ambulances, que carregam uma espécie de maca na sua traseira, possibilitam que pessoas doentes, em estado de emergência e mesmo mulheres grávidas sejam transportadas rapidamente a um local onde possam ser atendidas.

A alternativa já salvou muitas vidas em comunidades que antes não tinham acesso a nenhum tipo de transporte. A bicicleta se tornou essencial para levar tanto o paciente ao hospital quanto profissionais da saúde e medicamentos à comunidade.

Conscientes de que a bicicleta é essencial para o local, diversas instituições apoiam a causa: Bike4Care; ligada à Cycling out of Poverty; o projeto MOVE:ON, e a First African Bicycle Information Organization (FABIO).

É fato que em casos emergenciais de saúde a ambulância é a melhor opção em termos de rapidez e infraestrutura. Mas a bicicleta é a solução mais viável economicamente e está ampliando a expectativa de vida dos moradores desses locais.

E se esta alternativa fosse utilizada no Brasil, em lugares onde as populações têm difícil acesso à saúde, o que você pensaria?

Fonte: Bike Storming

A bicicleta leva mais do que recursos às comunidades carentes: leva esperança de uma vida com mais saúde. (Foto: PWRDF)