Guia Brasil Para Todos: casal lança guia de destinos com acessibilidade

Imagine você precisar entrar no ônibus, por exemplo, e não poder porque tem um bloqueio na porta. Muitas pessoas conseguem pular e entrar, mas você não. Então, você fica irritado por não conseguir ir até onde gostaria e ter que depender de outros, que nem sempre estão dispostos a ajudar. É assim que os cadeirantes e outras pessoas com mobilidade reduzida se sentem, diariamente, em locais sem preparo para receber a todos, sem discriminação.

Andrea Schwarz e Jaques Haber também não tinham ideia de como essa situação é chata e constrangedora. Até que em 1998 a vida do casal sofreu uma reviravolta. Por conta de uma doença na medula, Andrea ficou paralisada da cintura para baixo e passou a depender de cadeira de rodas. “Sentimos na pele as dificuldades que a deficiência impõe. Como aceitar passivamente que, pelo fato de um de nós estar numa cadeira de rodas, não poderíamos mais entrar em nosso restaurante favorito ou ir ao cinema, fazer compras ou, simplesmente, passear num espaço público por falta de adaptações?!” indaga Andrea.

Mas ao invés de ficar se lamentando e vendo o lado negativo em estar em uma cadeira de rodas, Andrea resolveu valorizar os locais acessíveis e, junto com o marido, teve a ideia de criar o Guia Brasil Para Todos. A publicação é o primeiro guia nacional que reúne informações específicas para pessoas com deficiência poderem planejar suas viagens pelo país. O livro é fruto das próprias andanças de Andrea e Jacques.

“Conhecemos muitos lugares que nos trazem excelentes recordações. E algumas não tão agradáveis assim. Muitas vezes tivemos que nos arriscar a viajar sem saber o que encontraríamos. Não foram apenas uma, duas ou três as vezes em que chegamos a um hotel e o quarto acessível prometido não tinha as adaptações adequadas. Ou que participamos de passeios supostamente preparados para turistas com deficiência que ofereciam apenas uma rampa de acesso à atração com cadeira de rodas”, contam no site do projeto.

Um grupo especializado de jornalistas também ajudou a reunir as informações sobre as 10 capitais que constam no guia e que estão entre os destinos mais procurados: Manaus, Fortaleza, Recife, Salvador, Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba e Florianópolis. No total a publicação traz 139 passeios acessíveis, 106 restaurantes, 92 hotéis e 377 dicas para viajantes com deficiência física.

Iniciativa bacana!

Clique aqui e explore o Guia Brasil Para Todos.

O acesso para todos é lei. SAIBA MAIS e ajude a melhorar nossa norma.

Fonte: Razões Para Acreditar