EMBARQ e ONU-Habitat firmam parceria pela mobilidade urbana sustentável

O Programa das Nações Unidas para os Assentamentos Humanos (ONU-Habitat) e a EMBARQ, o centro de transporte sustentável do World Resources Institute, estão se aliando para criar cidades mais sustentáveis, por meio de ações que garantam o acesso universal ao transporte seguro, limpo e acessível. A nova iniciativa vai se concentrar nas necessidades dos grupos pobres e vulneráveis, e em encontrar maneiras de incorporar o transporte nos mais amplos planejamentos do uso do solo.

As duas partes assinaram um Memorando de Entendimento (MOU, sigla em inglês) para fortalecer a colaboração para a mobilidade urbana sustentável. O memorando foi assinado por Holger Dalkmann, Diretor da EMBARQ, e Dr. Joan Clos, Sub-Secretário-Geral da ONU e Diretor Executivo da ONU-Habitat, durante o World Urban Forum.

“A EMBARQ tem uma meta ambiciosa para garantir que 200 cidades, principalmente em economias emergentes, adotem a mobilidade sustentável no desenvolvimento urbano até 2016″, disse Dalkmann. “Esta parceria vai nos ajudar a atingir milhões de pessoas em todo o mundo e proporcionar-lhes oportunidades para viverem e trabalharem em um ambiente urbano seguro, limpo e atraente, com fácil acesso a sistemas de alta qualidade de transporte que beneficiam tanto o meio ambiente quanto a economia”.

Ações serão prioritárias em países de economia emergente, como a Índia. (Foto: Alex Graves)

Sob os termos do MOU, ambos os parceiros concordam em construir uma rede de especialistas que irão colaborar em soluções sustentáveis de mobilidade urbana, incluindo o financiamento de oportunidades, capacitação, gestão do conhecimento, pesquisa e participação conjunta em eventos internacionais.

A primeira publicação conjunta desta parceria, o “Quick Guide: Establishing a Multi-Stakeholder Forum for Urban Mobility”, foi lançado na última semana, no World Urban Forum, em Nápoles, Itália. Este é o primeiro de uma série de quatro guias passo-a-passo destinada a funcionários municipais que buscam melhorar a mobilidade urbana.

“Sistemas de transportes sustentáveis são de extrema importância para a produtividade e viabilidade de nossas cidades”, disse Clos. “As novas cidades do século 21 devem ser projetadas para impulsionar o crescimento e a prosperidade, e a nossa parceria com a EMBARQ oferece às economias emergentes uma oportunidade de colocar um transporte eficiente, seguro e limpo no centro do planejamento urbano.”

Pelo menos 15 compromissos voluntários foram firmados na recente Conferência das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável (Rio+20) em torno do transporte sustentável. Nestes está incluído um compromisso voluntário facilitado pela ONU-Habitat sobre “Capacitação Institucional e Política de Mobilidade Urbana Sustentável”. O Secretário Geral da ONU, Ban Ki-moon, também se referiu ao transporte como uma peça fundamental na sua “Agenda de Ação” para o desenvolvimento de um Conjunto de Diretrizes para o Desenvolvimento Sustentável pós-2015.

Fonte: WRI