Porto Alegre: reunião aberta discute projeto de ciclovia na Cidade Baixa

Atualmente os ciclistas se arriscam entre os carros na movimentada Av. Loureiro da Silva. (Foto: Felipe Daroit)

Na capital gaúcha já tem até “anjo” ensinando as pessoas a pedalarem com segurança pelas ruas, mas a oferta de ciclovias e locais exclusivos para os ciclistas ainda é muito baixa. Para começar a mudar isso, a EPTC (Empresa Pública de Transporte e Circulação) realiza, hoje (03), uma reunião aberta para discutir o projeto de ciclovia no bairro mais boêmio de Porto Alegre, a Cidade Baixa. O encontro será na Igreja Sagrada Família (José do Patrocínio, 954), a partir das 20h.

A empresa pública apresentará um estudo realizado na região que servirá de base para a implementação de ciclovia e ciclofaixa na região. O plano da empresa é ter uma ciclovia de 2,4 km nas Avenidas Loureiro da Silva e João Goulart, ligando a Redenção ao Gasômetro. Ela será bidirecional e construída na faixa da esquerda,  junto ao canteiro central do sentido do parque à orla.

Haverá também a opção de uma ciclofaixa, na Rua José do Patrocínio, que continuará pela Praça Garibaldi, ao lado da Avenida Venâncio Aires, e pela Avenida Erico Veríssimo, ligando as Ciclovias da Loureiro da Silva e da Avenida Ipiranga. No total, ela terá cerca de 1,6 km.  A ciclofaixa será na margem esquerda da José do Patocínio.

Depois da apresentação do projeto, será aberto espaço para sugestões e discussão. Participe!

De acordo com a EPTC, após a conclusão do plano, a implementação demorará 45 dias.

Com informações de clicRBS.