Simulador de direção será obrigatório em autoescolas brasileiras

Equipamento vai auxiliar a formar os novos motoristas nas autoescolas.

Até no trânsito a tecnologia está aí para nos ajudar, como já vimos em plataformas online que mostram as melhores rotas antes de sairmos de casa e computadores que dirigem o carro para nós. Agora, uma outra ferramenta digital promete auxiliar na formação dos novos motoristas brasileiros: o simulador de direção. De acordo com portaria publicada, na última semana, pelo CONTRAN (Conselho Nacional de Trânsito), todas as autoescolas do país deverão adotar o sistema, a partir de 2013.

Assim, qualquer pessoa que desejar fazer sua habilitação de motorista deverá realizar 2 horas e meia de aulas no simulador antes de seguir para as aulas práticas, nas ruas. Hoje os motoristas em formação devem cumprir 45 horas de aulas teóricas e 20 horas práticas.

O equipamento, que mais parece um videogame, tem praticamente todos os atributos de um carro e simula situações reais de trânsito – ainda que alguns recursos estejam longe da realidade, como os espelhos retrovisores que só ficam visíveis quando o motorista aciona um botão no volante.

Mas, de um modo geral, o sistema funciona bem. A ideia é que os novos motoristas comecem a ter noção de sinalização, tráfego e relacionamento com pedestres antes mesmo de irem para as ruas. Assim, o simulador deve ajudar o aluno a adquirir confiança e a estar mais seguro na hora de pegar o volante de verdade.

De acordo com Maria Cristina Hoffman, coordenadora de educação no trânsito do CONTRAN, em entrevista para o Jornal Metro, o equipamento está em fase de homologação e ainda esse ano deve começar a ser vendido.

Conheça mais detalhes sobre o simulador de direção no vídeo abaixo produzido pelo Olhar Digital: