“Se destruímos o meio ambiente, destruímos a nós mesmos”, Ted Turner

Ted Turner responde perguntas no Rio+Social, no Rio de Janeiro. (Foto: EMBARQ Brasil)

O mau-humor mais bem humorado de Ted Turner deu as caras no final da manhã de hoje (19), durante os debates sobre inovação e desenvolvimento sustentável, no Rio+Social. O presidente da Fundação das Nações Unidas e da Turner Foundation Inc., é um dos filantropos mais reconhecidos do mundo e, através das organizações que lidera, transforma milhões de vidas todos os anos.

Como usual, Turner foi direto em suas respostas aos internautas, justamente por ter claro a visão que deseja passar: só podemos mudar as coisas a partir de nossas próprias ações. “Quando destruímos nosso meio ambiente, destruímos a nós mesmos”, declara o magnata, que não acredita que o dinheiro traga felicidade. “Quão bom é o seu dinheiro se você estiver morto?”, brinca.

Turner também é o fundador de um dos maiores conglomerados de comunicação do mundo, a CNN. Quando questionado sobre a força da mídia para as transformações sociais, ele foi breve, porém decisivo. “A informação muda as coisas. Ela muda o mundo”. E complementou: “As mídias sociais trouxeram mais informações, para mais locais, do que qualquer meio disponível antes”.

Ao final de sua rápida aparição no evento, Turner deixou uma receita, especialmente para os jovens, de como transformar o mundo: “by powers combined”. Ou, traduzindo de modo livre, por meio de forças em sinergia.

Que tal alinharmos nossas forças para mudarmos o futuro que queremos?! Esta é a hora.