Carro sem motorista já pode circular nos EUA

Google Self-Driving Car

Parece mesmo que o futuro já chegou. O estado de Nevada, nos EUA, autorizou a circulação de um carro que não precisa de motorista para ser conduzido, desenvolvido pelo Google. Graças à tecnologia de câmeras, radares, GPS e até laser, o automóvel reconhece a via, outros veículos, ciclistas e pedestres que se aproximam.

O modelo que recebeu a primeira licença é o elétrico Toyota Prius, cujo sistema de navegação foi aperfeiçoado pelo Google. Assim, o conglomerado da internet se tornou a primeira empresa a receber permissão para colocar os carros sem motoristas nas ruas, embora outras companhias estejam desenvolvendo projetos similares.

Para receber esta autorização, o Toyota ‘Driver-less’ Prius foi submetido a uma série de testes, na Califórnia, que totalizaram 255 mil km rodados, sempre sob a supervisão de um motorista em prontidão para assumir o controle do automóvel caso ocorresse um problema. Apenas um incidente foi registrado: um carro dirigido por uma pessoa bateu de leve na traseira do “carro do futuro”, como está sendo chamado por algumas autoridades de trânsito locais.

“A grande maioria dos acidentes ocorre por erro humano”, disse Alex Padilla, do Legislativo do Estado da Califórnia. “Com o uso de computadores, sensores e outros sistemas, um veículo autônomo é capaz de analisar o ambiente de direção mais rapidamente e operar o veículo com maior segurança”, afirmou.

Self-driving é liberdade

Pode parecer estranho um carro sem motorista, mas a invenção é considera um grito de independência para as pessoas desabilitadas a dirigir, como uma parcela dos deficientes físicos e visuais. Por isso, está sendo chamado de “carro do futuro”. Entenda melhor com o vídeo abaixo, produzido pelo Google:

Legislação

Em março deste ano, entrou em vigor uma nova legislação que trata do assunto. Segundo o texto oficial, o carro sem motorista ainda precisa ser supervisionado, obrigatoriamente, por duas pessoas: uma pessoa para assumir o volante em casos de emergência e uma responsável por monitorar o computador de bordo.

O estado da Califórnia também deve aprovar a circulação dos carros que não precisam de motorista em breve.

Fonte: G1