Experiência BRT, dia 3: grupo visita CTS EMBARQ México e se despede

Jornalistas atentos às informações de Adriana Lobo, diretora do CTS EMBARQ México. (Foto: Mariana Gil / EMBARQ Brasil)

Nossa trajetória pela Cidade do México passou rápido como o BRT e hoje já foi dia de se despedir com a certeza de que vamos levar muitos ensinamentos mexiquenses na bagagem. Porém, antes do grupo embarcar rumo a Los Angeles, segundo e último destino dessa primeira fase de Experiência BRT, fizemos uma visita ao CTS EMBARQ México, onde a diretora Adriana Lobo nos recebeu ao lado do vice-diretor, Salvador Herrera; da gerente de Comunicação, Angélica Vesga, e do também convidado Hector Zamarrón, subeditor editorial do Milenio.

Adriana apresentou aos jornalistas cariocas um panorama da situação da mobilidade na Cidade do México e falou sobre os benefícios que o sistema de rodízio de placas e a inspeção veicular trouxeram à cidade. Hoje, o programa de combate à poluição do ar exige que carros avaliados como poluentes não circulem um dia na semana e os altamente poluentes, duas vezes na semana. Já os automóveis novos não precisam realizar a inspeção. Essa medida, garante Adriana, foi adotada para diminuir os níveis de emissões a partir dos veículos e não para desafogar o trânsito.

A alta demanda por transporte público na cidade faz com que todos os atuais sistemas fiquem lotados. “Quando uma cidade que está afogada no trânsito abre uma opção de transporte público a demanda aumenta rapidamente, pois as pessoas vêm. Elas necessitam”, afirma Adriana, lembrando que o CTS EMBARQ México trabalhou intensamente ao lado do governo durante três anos para auxiliar na implementação do sistema Metrobús.

o subeditor do Milenio, Hector Zamarrón, aproveitou que estava entre jornalistas do Rio para falar sobre as mudanças que também a mídia sofreu antes e após a vinda do BRT para a Cidade do México, situação que os cariocas vivem hoje. Zamarrón lembra que há poucos anos era difícil abrir o jornal e ver uma notícia especial sobre bicicletas ou BRT e, atualmente, já são pautas comuns nos grandes veículos.

O encontro encerrou com um vídeo interessante, produzido pelo CTS EMBARQ México, sobre a mobilidade no Estado apresentado pela gerente de Comunicação, Angélica Vesga. Confira aqui. Depois seguimos para o Aeroporto Internacional da Cidade do México – Benito Juárez rumo a Los Angeles, Califórnia. É a segunda e última parada desta primeira fase do Experiência BRT – Missão de Imprensa que se prepara para mais uma tarefa: destrinchar a Orange Line. Pronto para partir? Acompanhe a cobertura aqui no TCFB!

¡Gracías e hasta la vista, México!

  • Duster

    te amo adriana