Casa inteligente é 100% sustentável e ainda pode gerar energia para o carro

Escritório Verde já está na sua fase final na UTFPR (Foto: Divulgação)

Nós já falamos aqui sobre as inovações tecnológicas e “super verdes” que o Japão pretende implantar na primeira smart town do mundo, até 2014. Ações como estas de valorização e investimentos em casas e cidades sustentáveis estão, literalmente, ganhando espaço, inclusive aqui no Brasil. A Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) apresentou o andamento da fase final do seu projeto “Escritório Verde” – uma casa totalmente pensada para não agredir o meio ambiente – hoje (14/07), no quadro Você não sabia, mas já existe do programa Bom Dia Brasil da Rede Globo.

O ambiente é todo construído a partir de materiais reciclados ou antes inutilizados, como madeiras de reflorestamento nas paredes e isolantes térmicos feitos de garrafas PET e pneus velhos. A água da chuva é aproveitada para o jardim e banheiros. Já o sol e o vento servem de combustíveis “limpos” para todo consumo de energia da casa, que conta com sistemas de placas solares e turbinas de energia eólica, que abastecem os geradores.

Se, em algum período, o escritório produzir mais energia do que consumir, a sobra poderá ser vendida a empresas de energia. Outra solução apresentada pela UTFPR é utilizar o acúmulo para o abastecimento do seu carro elétrico, mais um projeto da universidade apresentado na reportagem. Já imaginou encher o tanque de graça?! Nada mal.

Vale a pena conferir essa casa inteligente, que pode inspirar nossas cidades do futuro!